terça-feira, 14 de junho de 2011

III Universidança

Foi com um enorme prazer e satisfação que eu encerrei o III Universidança, mostra academica do curso de Licenciatura em Dança da Universidade Federal de Alagoas-UFAL, com o trabalho Poesias de Gentileza. Agradeço a Luiz A. Correia, Sirlene Gomes, Viviane Rodrigues, Mary Vaz e Valéria Nunes.

Fotos: Luiz Alberto



quinta-feira, 26 de maio de 2011

1° Mirante Cultural edição 4/ 2011



2011

“Um Quilombo Chamado Jacintinho”



O CENTRO DE ESTUDOS E PESQUISAS AFRO ALAGOANO QUILOMBO iniciará o quarto ano do projeto Mirante Cultural – “Um Quilombo Chamado Jacintinho ” em parceria com a Fundação Municipal de Ação Cultural de Maceió e o Coletivo Frente e Verso. Será realizado sexta-feira (27), às 19h30, no Mirante Kátia Assunção localizado no bairro Jacintinho (por trás da rádio 96 FM). O Mirante Cultural já teve vinte e seis edições, se apresentaram mais de cem grupos culturais mostrando a diversidade cultural que existe em Alagoas, como: cinema; teatro; dança; música; bumba meu boi; maracatu; coco de roda; poesia; cordel; capoeira; hip hop. Contando sempre com a presença da comunidade.



O Mirante Cultural se consolidou como um espaço de disseminação e integração da cultura popular e afro. Estamos retornando com o projeto depois de cinco meses de recesso e receberemos pela primeira vez o Coletivo Frente e Verso com Poesias Ilustradas; tudo que é bom tem bis: o Maracatu Baque Alagoano; nossos velhos parceiros: bumbas meu boi Excalibur e Sáfari; o coco de roda que contagiar a multidão: Coco de Roda Xique-Xique; um clássico do Mirante Cultural: a Capoeira Águia Negra e a delicadeza da perfomace “Poesias de Gentileza” com o dançarino e integrante do Quilombo, Diego Januário.



O CEPA Quilombo vem lutando pela requalificação do Mirante Kátia Assunção com o objetivo de transformá-lo em um espaço de fomentação de cultura e lazer, sonho antigo que a cada ano se renova, porém acreditamos que conseguiremos realizá-lo em breve. Dentro dessa requalificação visa trabalhar também a mudança do nome de mirante Kátia Assunção para um ícone da luta quilombola, homenageando assim, um símbolo da resistência negra.



O Mirante Cultural continuará defendendo a integração entre educação e arte, buscando sempre impulsionar os artistas locais, trabalhando a geração de renda e valorizando a cultura popular e afro alagoana. Agradecendo sempre os apoios da comunidade, dos artistas, dos parceiros e da imprensa.



PROGRAMAÇÃO:



Perfomace “Poesias de Gentileza” do dançarino Diego Januário

Capoeira Águia Negra

Bumba meu boi Sáfari

Bumba meu boi Excalibur

Maracatu Baque Alagoano

Coletivo Frente e Verso

Coco de roda Xique-Xique



GRUPOS PARCEIROS DO CEPA QUILOMBO:



Instituto do Desenvolvimento e Assistência Social Beneficente em Defesa das Mulheres e Crianças do Jacintinho (IDASMUC)

Coco de roda Xameguinho

Associação Puma de Fer Know do

Bumba meu boi Excalibur

Princípio Básico (perfomace)



Viviane Rodrigues

Relações Públicas do CEPA Quilombo

E-mail: vi_magnifica@hotmail.com

Telefones: (82) 8843-9311

domingo, 8 de maio de 2011

quarta-feira, 4 de maio de 2011

Projeto AQUI(n)TÁ CULTURAL


A performance Poesias de Gentileza se apresentou na última quinta, dia 27 de abril, na Tenda Cultural da Universidade Federal de Alagoas-UFAL, no evento UFAL EM DEFESA DA VIDA. A apresentação foi compartilhada com os bolsistas do projeto AQUI(n)TÁ CULTURAL, no qual eu também faço parte deste. A apresentação compartilhada foi inesquecivel. Agradeço aqui à todos que foram prestigiar este evento!
Diego Januário

Fotos: Nádir Nobrega


quinta-feira, 21 de abril de 2011

Contatos:

Mandem e-mail ou liguem para dar sugestões, ficar melhor informado sobre o processo do trabalho.

e-mail: dijanuario@gmail.com
tel: ( 0 xx 82) 9675-1715 / 8871-6569

ABRAÇOS FRATERNOS!!!
FIQUEM TODOS NA LUZ!
Diego Januário

sábado, 16 de abril de 2011

5° Mostra Miguelense de Dança

É com muita alegria que recebi o convite para participar da 5° Mostra de Dança de São Miguel dos Campos-AL, uma organização da secretaria do municipio de São Miguel dos Campos-AL com a equipe do produtor cultural Sílvio Ramalho. Eu, Diego Januário, participei da 4° edição do evento, não com esta performance e sim com um trabalho chamado COLO, direção de Ana Cristina. Este ano o evento promete, são mais de 20 grupos/cias. de dança do estado já inscritos. São artistas alagoanos lutando para manter viva a arte.